Notas do Enem podem sair antes de 18 de janeiro

Encerrado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a expectativa agora dos candidatos que fizeram as provas nos dois últimos domingos é pelas notas individuais. O resultado será liberado até 18 de janeiro.
Mas a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Maria Inês Fini, disse que o desempenho dos estudantes pode sair antes dessa data.
Uma das opções, com a média do exame, é concorrer a vagas em graduações de mais de 130 universidades públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), coordenado pelo Ministério da Educação (MEC).
“Tentaremos antecipar em pelo menos um dia a liberação das notas, como fizemos este ano”, afirmou Maria Inês. Os gabaritos oficiais sairão na próxima quarta-feira (14), assim como os cadernos de provas.
Ontem os feras tiveram provas de matemática e ciências da natureza (com assuntos de física, biologia e química). Semana passada houve questões de linguagens e ciências humanas, além de uma redação.
Devido à Teoria de Resposta ao Item (TRI), metodologia de correção usada no Enem, não é possível calcular a nota do candidato. Nela, o valor de cada questão varia conforme o percentual de acertos e erros dos estudantes naquele item.
Assim, um quesito em que grande número dos candidatos acertarem será considerado fácil e, por essa razão, valerá menos pontos. Já o participante que acertar uma questão com alto índice de erros ganhará mais pontos por ela. Por isso não dá para saber a nota final do vestibulando contabilizando apenas o número de erros e acertos em cada prova.

PROUNI

Com a nota do Enem, além do Sisu é possível concorrer a bolsas em faculdades privadas, por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni). Ou requerer ajuda do governo federal para pagar as mensalidades pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).
“Desejo cursar história na Unicap. Para isso, pretendo me inscrever no Prouni. Também vou tentar aprovação na UFPE pelo Sisu”, contou a estudante Laís Martins, 18 anos. Ela estuda o 3º ano do ensino médio na Erem Beberibe, bairro de mesmo nome, na Zona Norte do Recife.
Laís fez as provas do Enem na Unicap, na Boa Vista, área central da capital. “Chutei algumas questões, mas no geral gostei das provas”, comentou a estudante.

Nenhum comentário