Zona rural de Arcoverde recebe vacinação contra a raiva para cães e gatos no domingo (30)




A Prefeitura de Arcoverde, através da Secretaria Municipal de Saúde e do Centro de Vigilância em Saúde, realiza neste domingo, dia 30 de setembro, das 8h às 17h, a Campanha de Vacinação Antirrábica para cães e gatos, em localidades que constituem a zona rural do município. A vacina é gratuita e acontece no porta a porta com carros, nas comunidades de Ipojuca, Aldeia Velha, Gravatá, Descobrimento, Pedra de Fogo, Riacho do Meio, 15 Metros, Caraíbas, Serra das Varas, Malvada, Doideira, Deserto e Serrinha.
Na zona urbana, a campanha alcançou em Arcoverde, no último dia 15 de setembro, o total de 5.466 cães, equivalendo a 59,3% de animais vacinados, além de 2.373 gatos, atingindo a marca de 85,3%. Para a secretária de Saúde, Andreia Britto, a vacina é a única forma segura de prevenção contra a raiva, uma doença grave e que leva o animal a óbito em 100% dos casos. Ainda segundo ela, é imprescindível que os donos de cães e gatos compareçam a um dos postos de vacinação para imunizar seus animais, uma vez que, se transmitida aos seres humanos, a raiva se comporta de forma extremamente agressiva, podendo, inclusive, ser fatal.
A raiva é a doença mais perigosa que atinge cães e gatos. Além de não ter cura, ela pode ser passada aos seres humanos. A vacina anual é a única forma de manter o seu bicho de estimação longe da doença. A raiva é transmitida através da saliva dos cães infectados. Dez dias antes de apresentar os primeiros sintomas da doença, o vírus da raiva já pode ser transmitido. Em 90% dos casos, a raiva é transmitida por meio de mordida de cachorros e em 5% por arranhões ou mordidas de gatos. Os 5% restantes são transmitidos por morcegos, lobos, chacais e outros animais.
Fotos: Israel Leão 

Nenhum comentário