Haddad, Ciro, Alckmin e Amoêdo visitam Nordeste esta semana

Em Pernambuco, pesquisa JC/Ibope/TV Globo mostrou que Haddad lidera com 26% / Fotos: AFP e ABr





A duas semanas e meia das eleições presidenciais de 2018, quatro candidatos ao Palácio do Planalto visitarão Estados do Nordeste em busca dos votos da região que concentra cerca de 26,6% dos eleitores aptos a votar no País, de acordo com dados atualizados este ano pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).



Principais representantes da centro-esquerda na disputa presidencial, Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT) viajarão para o Nordeste durante o final de semana, dando prosseguimento à disputa travada entre os dois pelos votos dos eleitores identificados com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado pela Operação Lava Jato no caso do triplex do Guarujá (SP), preso na Polícia Federal, em Curitiba (PR), e declarado inelegível pelo plenário do TSE.

Já os presidenciáveis Geraldo Alckmin (PSDB) e João Amoêdo (Novo) desembarcarão na região nos dias 20 (quinta-feira) e 21 (sexta-feira), respectivamente. Embora figuras próximas do ex-governador de São Paulo, como o prefeito de Salvador e presidente do DEM ACM Neto, afirmem que a prioridade da campanha é o Sudeste, a agenda do tucano no Nordeste tem metas.

De acordo com o presidente do PSDB da Bahia, o deputado federal João Gualberto, as atividades na região miram estabelecer um diálogo maior de Alckmin com os eleitores nordestinos.

Na região, o PT tem ampla preferência popular - 20% dizem que votarão em Haddad, segundo pesquisa Ibope do dia 11 de setembro - e o candidato do PSDB apresenta desempenho abaixo da média nacional. Apenas 7% dos eleitores nordestinos pretendem votar no candidato tucano nas eleições 2018, enquanto no Sudeste esse número chega a 10% e no Brasil é de 9%.

"Geraldo vê muita importância no Nordeste, porque o Nordeste é importante para o Brasil", afirma João Gualberto. Segundo o prefeito de Salvador, ACM Neto, além da capital baiana, onde Alckmin participará por volta das 17h de um comício na região do Pelourinho, no Centro Histórico, o tucano visitará Recife (PE), e pode ir a Maceió (AL) também na sexta-feira.

Amoêdo, por sua vez, cumprirá atividade comum de campanha, em um roteiro construído para "rodar o País inteiro", segundo sua assessoria.

Antes da capital baiana, onde visita no dia 20, passando por pontos turísticos como o Mercado Modelo, Amoêdo visitará Natal (RN) nesta quarta-feira, 19. Lá, também visitará um mercadão público, o Mercado Alecrim, para fazer 'corpo a corpo' com eleitores. Na região, ele tem 1% das intenções de votos, segundo dados do Ibope de 11 de setembro.

Nenhum comentário